Dias de múltiplos ritmos em festival internacional realizado em Agrestina

Uma mistura de sotaques, idiomas, histórias e influências culturais. A etapa do Circuito Brasil Fest in Folk, em Agrestina, teve neste sábado (20) uma programação com apresentações, caminhada e plantio da Árvore da Paz. O Circuito é uma  iniciativa da Associação Brasileira dos Organizadores de Festivais de Folclore e Artes Populares (AbrasOFFA), apoiada pela Prefeitura de Agrestina, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Juventude. A programação continuou no domingo e na segunda e para esta edição, vieram grupos de Caruaru, Agrestina, Colômbia e Argentina.

Este sábado começou com um encontro musical bem animado no Parque Ambiental de Agrestina, onde cada um apresentou um pouco do que estava reservado para a noite. Ainda no mesmo lugar, representantes dos países que estão presentes no evento plantaram a Árvore da Paz e e seguiram para o Mercado Público em uma Caminhada Cultural. Lá, o espetáculo foi ainda mais bonito. A Coreografias de La Escuela de Artes San Luis, da Argentina, apresentou o Malambo – no qual só dançam homens com passos bem marcados, e a Coya, de origem inca, que junto com o samba foram um ritmo comum no Norte e Nordeste daquele país. Já a Agrupación Musical Son Bareke, da Colômbia, apresentou música e dança em dois grupos distintos: o Grupo Musical Blanco e Negro e a Fundación Dan Foled. Já Caruaru esteve bem representada com a Companhia de Dança Orí Orí e as coreografias inspiradas nas religiões africanas, o Grupo Flor e Barro trazendo muito forró e a Arrasta Pife, que garantiu ainda mais tradicionalismo ao momento. De Agrestina, se apresentaram a Mazuca, ícone local e que evidencia o côco e a Capoeira Pulo do Gato, com todo o gingado típico da luta que virou dança.

A programação do domingo começou às 17h, com missa de ação de graças, na Matriz de Santo Antônio e, em seguida, as apresentações foram realizadas novamente no Mercado. Na segunda-feira os grupos foram até escolas municipais e as performances no Mercado Público aconteceram durante a tarde, com reapresentação às 20h. O Festival Internacional de Folclore do Brasil também faz parte do Circuito e por este motivo o evento será realizado em Agrestina em comemoração ao Dia do Folclore, celebrado hoje, 22 de agosto. Depois da Terra do Chocalho, o evento segue para Caruaru.

Departamento de Comunicação (Decom)

Jonata Daniel

Daniel, tem 21 anos e nasceu em São Joaquim do Monte/PE, mora atualmente em Agrestina/PE. Estudante Técnico em Enfermagem Jônata é repórter fotográfico e fundador do Blog, criado à quatro anos quando ainda cursava o ensino médio na Escola de Referência Professor José Constantino. “O blog me ajudou a entender complexos importantes e ver que não era o único adolescente insatisfeito com problemas do dia a dia. Através dos textos e fotos descobri um novo universo que acabou virando meu trabalho”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *